Aplicativo de táxi aéreo: quais serviços você pode contratar?

Consultoria Aeronáutica / Aplicativo de táxi aéreo: quais serviços você pode contratar?

Mudar idioma: enEN (Inglês) pt-brPortuguês

Os serviços do universo da aviação executiva vão muito além do puro e simples fretamento de jatinhos. Ao baixar o aplicativo da Flapper, usuários têm na palma da mão quatro modalidades de serviços distintas: voos fretados, transfers de helicóptero, voos compartilhados e empty legs. Cada produto tem peculiaridades e especificidades próprias, por isso neste artigo iremos tratar das principais diferenças entre eles.

Voo fretado

Quando surge o termo “táxi aéreo”, logo se pensa no fretamento de uma aeronave e de todos os seus assentos para um voo específico. De fato, essa é uma das modalidades mais praticadas no mercado, já que garante a máxima exclusividade e flexibilidade da agenda. Como a aeronave toda estará disponível ao cliente, a contratação desse produto está frequentemente atrelada ao modelo do equipamento utilizado. O número de assentos disponíveis, o nível de conforto interno, o tipo de terreno da pista de pouso e a velocidade de operação acabam por determinar essa escolha.

Na hora de sondar o fretamento, além dos destinos inicial e final, o cliente deve ter em mente o número de passageiros que realizarão a viagem. No setor de táxi aéreo há aeronaves que transportam de 3 a 19 passageiros. Já entre os jatos comerciais de grande porte, de 48 até 450 assentos. Por isso os clientes dependem da expertise dos consultores da Flapper para encontrar o modelo que melhor se adequa a sua necessidade.

Transfer de helicóptero

O transfer de helicóptero é outro serviço de grande reconhecimento da indústria de táxi aéreo. Nas capitais e grandes cidades brasileiras, essa forma de transporte pode ainda não ter um status trivial, mas há muito deixou de ser algo raro.

Apesar de serem capazes de realizar trechos superiores aos 500 km, é em trajetos curtos que os helicópteros performam melhor que aviões. Não apenas pela rapidez com que helicópteros realizam seus pousos e decolagens, mas também pela liberdade de não demandar que os pontos de partida e/ou chegada sejam necessariamente aeroportos. Por isso, agilidade é o termo que melhor descreve esse tipo de operação.

Ao ter a disposição a rede de helipontos de uma determinada região, o cliente pode trabalhar com precisão de alguns poucos quilômetros de seu destino final. Na Grande São Paulo, por exemplo, a listagem da Flapper conta com 21 helipontos “sugeridos” pelo aplicativo e mais de 50 disponíveis para fretamentos sob demanda nos prédios privados. Em cidades populosas como a capital paulista, essa flexibilidade pode ser crucial para a economia de horas preciosas do cliente.

Voo compartilhado

Em rotas pré-determinadas, operadas semanalmente, a Flapper disponibiliza assentos em voos compartilhados. A experiência da aviação executiva está mantida, com voos a bordo de turboélices, ligação em rotas não comerciais e acesso a lounges VIPs quando disponível.

A diferença está na autonomia dos clientes, já que estarão dividindo o voo com outras pessoas. Na opção compartilhada, a Flapper sugere quando sairão os voos e cabe aos dois primeiros passageiros confirmados determinar o horário exato da decolagem – restando aos demais passageiros seguir a hora fixada. A contrapartida está no valor da viagem que, ao ser cobrada por assento utilizado, sai bem mais em conta do que um fretamento de aeronave.

A partir de hoje, Flapper oferece 2 rotas com voos agendados, operadas duas vezes por semana e com assentos custando a partir de R$ 500 (informação de outubro/2020). Até 10 destinos de alta temporada estão disponíveis pelo aplicativo Flapper.

Empty leg

Toda aeronave que sai para uma operação de fretamento precisa voltar para sua base. Em média, a cada 10 voos deste tipo, 3 retornam vazios ao hangar de origem. Para amenizar a capacidade ociosa das aeronaves de táxi aéreo, a Flapper tem em sua plataforma uma seção para encontrar os voos de reposicionamento – os tais “empty legs”.

As pernas vazias surgem de última hora e, por conta disso, possuem preços muito mais acessíveis. Os descontos nesta modalidade chegam a 60% em comparação com fretamentos convencionais. Por isso, as rotas disponibilizadas no aplicativo costumam se esgotar em poucas horas.

Assim como nos voos compartilhados, o passageiro tem menos autonomia do que em fretamentos. De qualquer maneira, o serviço de táxi aéreo mantém exatamente o mesmo padrão, com a vantagem de que as operações não se restringem a turboélices, podendo este serviço oferecer a oportunidade do passageiro conhecer novos e maiores modelos de aeronaves.

Onde baixar?

O aplicativo da Flapper está disponível gratuitamente nas lojas de app de Google (Google Play)  e Apple (Apple Store) . O acesso à interface de cotações e orçamentos é feito tanto por um cadastro simples quanto pelo modo convidado, que não requer dados inicialmente.

Our Services: Consultoria Aeronáutica, Fretamentos

See also

  • Black Friday Flapper & Livelo

    See post
  • Fretamento de aeronaves: entenda as soluções disponíveis

    See post
  • Aplicativo de táxi aéreo: quais serviços você pode contratar?

    See post